Robótica industrial: o que é, aplicações e tendências
Automação Industrial

Robótica industrial: o que é, aplicações e tendências

A robótica industrial surge como uma protagonista da nova era da manufatura. 

Imagine máquinas meticulosamente projetadas executando tarefas com precisão impecável, aumentando a produção e garantindo uma qualidade inigualável. Mas, o que realmente significa esse termo que tem ganhado os holofotes nas indústrias globais? 

Embarque conosco nesta jornada para descobrir a resposta para essa pergunta. Entenda melhor o universo fascinante da robótica industrial e compreenda seu papel transformador no cenário atual.

O que é robótica industrial?

Basicamente, refere-se à integração e utilização de robôs em linhas de produção e outras operações industriais para automatizar tarefas que anteriormente eram executadas manualmente pelos trabalhadores.

A robótica industrial representa uma das mais revolucionárias evoluções no setor de manufatura e produção.

Os robôs industriais não são uma invenção recente. 

Na verdade, a primeira introdução de robôs no ambiente industrial aconteceu na década de 1960. 

No entanto, foi nas últimas décadas que eles realmente se transformaram, graças ao avanço da tecnologia, tornando-se mais precisos, rápidos e capazes de realizar uma variedade cada vez maior de tarefas.

Estes robôs são projetados para realizar uma série de atividades, como soldagem, montagem, pintura, inspeção e até mesmo tarefas mais complexas, como manipulação e embalagem de produtos. 

Ao contrário dos robôs tradicionais, que são geralmente programados para executar uma única tarefa, os robôs industriais modernos são frequentemente equipados com sensores, câmeras e software avançado, permitindo-lhes adaptar-se e realizar diversas funções.

A robótica da indústria, portanto, é mais do que apenas a introdução de máquinas automatizadas no chão de fábrica. 

É sobre otimizar processos, melhorar a eficiência, garantir a precisão e, o mais importante, transformar a maneira como as indústrias operam, de modo a torná-las mais produtivas e competitivas no mercado global.

Quais são as aplicações da robótica industrial?

A robótica industrial tem diversificado sua presença em inúmeros setores da indústria, com foco em transformar processos e elevar os padrões de qualidade e eficiência. Vamos explorar algumas das principais aplicações desses robôs nas operações industriais:

Montagem

A montagem é uma das tarefas mais comuns delegadas aos robôs industriais. 

Devido à sua precisão e velocidade, os robôs são capazes de montar componentes pequenos e complexos, como os encontrados em dispositivos eletrônicos, com uma precisão que seria difícil para os humanos igualarem em uma linha de produção de alta velocidade.

Soldagem 

A soldagem robotizada garante juntas mais precisas e consistentes, reduzindo erros humanos. 

Essa aplicação é particularmente útil na fabricação de automóveis e aeronaves, na qual a qualidade da solda é crucial para a segurança e eficiência do produto final.

robô de soldagem

Pintura

Robôs de pintura são utilizados para garantir uma aplicação uniforme e precisa de tintas e revestimentos. 

Eles não só melhoram a qualidade da pintura, mas também reduzem o desperdício de material e os riscos associados à exposição humana a solventes e outros produtos químicos presentes nas tintas.

Paletização 

A paletização refere-se ao processo de empilhar caixas ou outros produtos em paletes para transporte. 

Robôs especializados nessa função são capazes de organizar e empilhar produtos mais rapidamente e com maior precisão do que os operadores humanos, otimizando o espaço e garantindo uma distribuição eficaz.

Transferência de materiais

Mover materiais de um ponto a outro em uma fábrica é uma tarefa comum para robôs industriais. Eles são frequentemente usados para transportar peças pesadas ou perigosas, de modo a minimizar os riscos para os trabalhadores e acelerar o processo de produção.

Inspeção de produtos

Com a ajuda de sensores avançados e câmeras de alta resolução, os robôs fazem inspeções detalhadas de produtos, identificando defeitos ou inconsistências que poderiam ser negligenciados por inspetores humanos.

Assim, se garante a qualidade e a integridade do produto.

Realização de testes

Em setores como o automotivo e eletrônico, robôs são empregados para realizar testes repetitivos em componentes, a fim de assegurar que eles atendam aos padrões exigidos. 

Isso pode incluir testar a funcionalidade de um dispositivo ou a resistência de um material sob certas condições.

Quais são as vantagens da robótica industrial? 

O avanço da robótica industrial trouxe consigo uma miríade de benefícios para o setor manufatureiro e outras áreas da indústria. 

Estas vantagens não apenas melhoram a produtividade e eficiência, mas também têm um impacto profundo na qualidade, segurança e competitividade no cenário global. 

Vejamos algumas das principais vantagens da implementação da robótica industrial:

  • Aumento da Produtividade: os robôs industriais conseguem produzir mais em menos tempo, aumentando a taxa de produção;
  • Melhoria da Qualidade: robôs são precisos e consistentes, logo garantem que cada produto seja fabricado com o mesmo padrão de alta qualidade, reduzindo a variabilidade que pode ocorrer com a produção manual;
  • Redução de Custos Operacionais: embora o investimento inicial possa ser alto, a longo prazo, os robôs ajudam a economizar nos custos de mão de obra e materiais;
  • Maior Segurança: ao encarregar robôs de tarefas perigosas ou repetitivas, os riscos de acidentes de trabalho são minimizados;
  • Flexibilidade: robôs industriais são frequentemente reprogramados para realizar diferentes tarefas, o que possibilita uma rápida adaptação às mudanças nas linhas de produção ou nas demandas do mercado;
  • Redução de Erros: a precisão dos robôs significa menos erros e, portanto, menos produtos defeituosos ou desperdiçados, algo que leva a uma economia de custos e recursos;
  • Operação em Ambientes Hostis: robôs podem operar em condições adversas, como ambientes de alta temperatura, radioativos ou tóxicos, onde seria perigoso para os seres humanos;
  • Redução da Fadiga e Desgaste Humano: tarefas repetitivas e monótonas são delegadas a robôs, de modo a reduzir a fadiga dos trabalhadores e evitar problemas de saúde relacionados ao trabalho repetitivo.

Tipos de robôs industriais

A robótica industrial viu uma revolução nas últimas décadas, com diferentes tipos de robôs sendo desenvolvidos para atender às necessidades específicas de produção e manufatura. Cada tipo possui características próprias que o tornam ideal para certas aplicações. 

Abaixo, exploramos os diferentes tipos de robôs industriais e suas características distintas:

Robô servo

Robôs servo, ou robôs servo motores, utilizam servo motores para movimentar-se. Estes motores são capazes de detectar a posição do robô e corrigir qualquer desvio de sua trajetória previamente programada.

Vantagens: alta precisão, capacidade de feedback em tempo real e facilidade de programação.

banner Kalatec robótica industrial

Robô não servo

Ao contrário dos robôs servo, os robôs não servo utilizam motores comuns sem feedback em tempo real. Seu movimento é geralmente mais limitado e não tão preciso quanto os robôs servomotores.

Vantagens: menor custo em comparação com os robôs servomotores e simplicidade na operação.

Robô programável

Estes robôs podem ser programados para realizar uma série de tarefas. Eles operam com base em uma sequência de instruções inseridas previamente.

Vantagens: flexibilidade para alterar programas conforme a necessidade e capacidade de realizar múltiplas tarefas com uma única programação.

Robô programável por computador

Estes robôs são a evolução dos robôs programáveis. Sua programação é realizada através de software em um computador, permitindo uma programação mais complexa e integrada.

Vantagens: maior capacidade de armazenamento de programas, facilidade de integração com outros sistemas industriais e programação mais intuitiva por meio de interfaces gráficas.

Saiba mais sobre automação industrial e sobre as inovações relacionadas! 

Conclusão

A robótica industrial está transformando o panorama da manufatura moderna, proporcionando uma eficiência sem precedentes, precisão e automação nas linhas de produção. 

Com uma gama diversificada de robôs, cada um projetado para atender necessidades específicas, as indústrias agora têm a capacidade de adaptar-se rapidamente às demandas do mercado e otimizar seus processos produtivos. 

Para as empresas, a adoção da robótica não é apenas uma escolha estratégica, mas um passo essencial para permanecer competitivo no cenário global.

Posts relacionados

Edilson Cravo

Edilson Cravo

Engenheiro de Aplicação da KALATEC, 23 anos de experiência com mais de 5000 visitas únicas em Indústrias. Especialista em Automação Industrial e apaixonado por Servos Motores, foi treinado nas fábricas EMERSON MOTION CONTROL, YASKAWA, WEG, DELTA, HNC, LEADSHINE e ESTUN. Foi consultor de projetos no Instituto Nuclear Brasileiro, Embraer, Rede Globo, USP (Projeto Inspire) entre outros.

Veja também

Abrir WhatsApp